Relacionamento abusivo


Há muito tempo venho querendo falar sobre assuntos mais sérios, só que tinha um receio de como isso poderia ser. Foi só quando terminei de ler o livro Amor Amargo da Jennifer Brown (resenha em breve) que abri os olhos para esse assunto, que pude ver esse mundo pelos olhos de uma vítima, por pouco tempo, mas consegui.

O que é um relacionamento abusivo? Um relacionamento abusivo é quando um dos parceiros priva o outro de amizades, fazendo com que a vítima se sinta culpada o tempo inteiro. A princípio, o “agressor” faz com que pareça o relacionamento dos sonhos, trata da melhor maneira possível, manda flores, mas isso vai ficando cada vez mais escasso. A pessoa começará a mostrar um comportamento agressivo, podendo até agredir fisicamente o companheiro. Não são só mulheres que são vítimas deste tipo de relação, homens também podem sofrer o mesmo mal.

Como detectar tal comportamento? Se a pessoa fica muito irritada quando você está com amigos, você percebe que ela eventualmente te segue sem nenhum motivo, tenta te observar onde quer que vá, te faz se sentir inferior, culpada sem ter feito nada de mais, você pode estar em um possível relacionamento abusivo.

Qual a melhor saída? Sair de uma relação deste tipo é muito difícil, já que na cabeça da pessoa ela está fazendo tudo isso pois te ama, ela pode te perseguir, tentar de tudo para que você não consiga romper esse laço, irá te fazer pensar em diversas desculpas. Mas é possível, sim! Fale com seus amigos e família, eles certamente irão te ajudar nesta missão.

Aviso importante: Quando estiver avaliando, não crie desculpas para a pessoa, tais como “mas isso só aconteceu uma ou duas vezes” seja sincero com você! E outra, você não pode “mudar” a pessoa mudando o seu comportamento, isso não vai dar certo.

E para as pessoas que veem de fora, não culpem a vítima, ela não tem culpa nenhuma, qualquer um pode ser “iludido” a princípio, lembrem que no início é tudo muito perfeito e impensável que um dia poderá desencadear um relacionamento abusivo.

Esse é um assunto muito sério, as pessoas realmente sofrem. Eu nunca estive em uma situação assim, meus pontos foram todos tirados do livro, apesar de que com uma leitura podemos ver a vida por várias perspectivas.

Comentários

  1. Achei legal abordar esse assunto pra um post.
    Sucesso, e beijao. <3

    ResponderExcluir
  2. adorei! Um tema pouco discutido mais muito importante

    Link do meu blog: http://autorasentimental.blogspot.com.br/2016/01/esta-na-hora-de-seguir-em-frente-menina.html

    Beijo e muito sucesso

    ResponderExcluir
  3. Nossa, você escreve muito bem! Parabéns :) nunca passei por isso que está no texto mas consigo entender a aflição de que passa :(
    beijos :*
    http://memorialices.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aí, muito obrigada! Eu também nunca passei, consigo entender direitinho também. Beijão

      Excluir
  4. Ola! Gostei do seu Blog e tenho um Artigo para colaborar no seu Blog, faço divulgação na minha rede +2 milhões de acessos e te dou Link do meu blog. Não cobro! O que peço em troca peço é um link dentro do artigo para meu blog. Quer receber uma proposta para avaliação?
    prof.rosioliveira@gmail.com

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Desejos de setembro ❤

[Resenha] Extraordinário - R. J. Palácio

[Resenha] A Lenda de Materyalis - As Crônicas de Aliank #1